Publicado originalmente no blog Naturally Curly
Em 15/01/2018

Traduzido por Natalia Gould.

Todos sabemos que ter cabelo saudável e bonito não acontece da noite para o dia e é afetado por vários fatores – alguns dos quais temos controle sobre eles. Um desses fatores que podemos controlar é a nossa dieta. A maioria dos discursos sobre a saúde do cabelo se concentra em produtos e rotinas para o cabelo, mas o que ingerimos é tão importante quanto. Muitas vezes, esquecemos de reconhecer como a nossa dieta contribui para a saúde do nosso cabelo e, como nosso vício em açúcar especificamente, pode impactar negativamente o crescimento do cabelo. O açúcar pode tornar a vida mais doce, mas muitos açúcares artificiais ou adicionados podem estar afetando sua jornada com o cabelo.

Então, como o açúcar e o crescimento do cabelo se relacionam um com o outro? Tornou-se um conceito aceito na indústria da beleza que muito açúcar é ruim para sua pele. Pode deixar sua pele propensa a fugas, envelhecimento prematuro e manchas. A pesquisa encontrou esses efeitos para sua pele e eles são amplamente aceitos agora, mas a relação entre o açúcar e nossos cabelos não é tão popularmente conhecida. O açúcar tem se mostrado causador de impactos negativos no couro cabeludo e no comprimento, mas o bom é que você tem controle total sobre quanto você consome. Não só isso, mas mudar seus hábitos alimentares pode ajudar seus cachos a atingir seu potencial total diretamente e indiretamente!

Todos ouvimos falar da hiperglicemia. É o que acontece quando os humanos têm picos de açúcar no sangue depois de consumir açúcar mais rápido do que o corpo pode metabolizá-lo, o que faz com que níveis de insulina e esteroides aumentem rapidamente. Inflamação também é resultado picos de açúcar no sangue.
“Quando a inflamação é constantemente conduzida por dietas com alto teor de açúcar mexem com o sistema imunológico e é aí que as altas dietas de açúcar estão em jogo com a saúde do cabelo”, Dr. Apple Bodemer, professor assistente de dermatologia na Faculdade de Medicina e Saúde Pública da Universidade de Wisconsin, disse ao The Today Show. Este processo cria um aumento da insulina e dos andrógenos que combinados aos folículos pode causar perda de cabelo.

“Quando a inflamação é constantemente conduzida por dietas com alto teor de açúcar mexem com o sistema imunológico e é aí que as altas dietas de açúcar estão em jogo com a saúde do cabelo”

De acordo com o Dr. Batra’s, uma clínica de homeopatia especializada em perda de cabelo “Um estudo publicado no European Journal of Cardiovascular Risk (Jornal Europeu de Riscos Cardiovasculares) descobriu que as mulheres com alguns marcadores de resistência à insulina apresentam maior risco de alopecia androgênica (AGA) ou calvície padrão feminina “.
Consumir muito açúcar irá deixá-lo com o cabelo fino e pode ser por isso que você não está notando nenhum novo crescimento.
Se você está se perguntando como o açúcar se relaciona com o crescimento, além de cabelos finos, é importante observar algumas coisas. O consumo excessivo de açúcar pode inibir os processos químicos dentro do seu corpo que estimulam o crescimento do cabelo. Lembre-se, o cabelo saudável capaz de crescer começa com os alimentos que você come. Também deve notar-se que existem açúcares saudáveis que são melhores para o seu corpo em relação ao refinado. Qualquer alimento inteiro, como frutas, que tenham açúcar natural é realmente bom para a sua saúde e cabelos. O objetivo é evitar açúcares artificiais, bem como alimentos ou bebidas que adicionam açúcar extra à receita.


Então, na próxima vez que a gula começa a falar, tente satisfazê-la com uma tigela de frutas em vez de calda de morango em cima de sorvete!